Obrigado!

unknown person holding balloons outdoors

Eras uma chata do caraças. Sabes disso, não sabes? Eras uma força da natureza. Quando metias algo na cabeça ias até ao fim. E isso tanto me irritava, quanto inspirava. As nossas discussões eram sempre acesas. Quando terminavam eu sentia que tinha levado um enxerto de porrada. Contudo, aprendi tanto com elas.

Foste a pessoa que mais acreditou em mim. Mesmo quando eu próprio não acreditava. Não imaginas o quanto me fizeste crescer. O quanto me levaste a sair de uma zona de conforto em que eu estava instalado desde o início da minha existência. Tantas vezes te quis agradecer por isso. Fui adiando por uma questão de orgulho estúpido e por julgar em que algum dia eu perderia a vergonha e te diria o que significavas para mim. Pensamos que temos a vida toda e num ápice tudo muda…

Conforta-me o facto de saber que foste feliz durante algum tempo e que eu tive alguma responsabilidade nisso. Gostaria que tivessemos tido mais tempo. Desejei tanto isso.

A nossa relação foi curta, mas foi a mais intensa que alguma vez tive. Nunca me senti tão vivo. Nunca me senti tão grato por estar vivo.

Há muito que fiz o luto. Chegou a hora de te agradecer, ainda que a título póstumo. Obrigado por tudo!

Por ti, mantenho acesa a chama. esta vontade (tão tua) de querer desfrutar da vida. Sei que te devo isso.

Subscreva
Notificação de
guest
0 Comentários
Feedback inline
Ver todos os comentários
0
Adoraria saber a sua opinião, por favor, comente. x
()
x